Existe algo de podre no Ar

5 comentários sobre “Existe algo de podre no Ar”

  1. Temos que fazer uma nota de repúdio às colocações tanto desse fascista quanto à própria revista que publicou uma matéria ludibriosa, tão vazia de objetividade científica!

    Curtir

  2. Para conhecimento: A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, resolve aprovar proposta de Reavaliação Toxicológica para os seguintes ingredientes ativos Carbofurano, Lactofen, Abamectina, Glifosato. Isso saiu no D.O.U. de 27/08/2015, seção 1, página 53.

    Curtir

    1. Grande notícia Adriana. Muito obrigado por compartilhar essa informação conosco. Eu estou para escrever um artigo sobre o Glifosato porque esse é o agrotóxico mais utilizado no mundo e já temos mais do que evidências de que está influindo muito negativamente na saúde das pessoas.

      Curtir

  3. Se eu fosse realmente malvado recomendaria ao Sr Levinovitz tomar 3 x ao dia um pouco de cada um desses “defensivos” só para ver se a sua veia filosófica iria se manter ativa por muito tempo. São pessoas como ele que ajudam a manter sempre vivo o esteriótipo do “judeu-que-vende-a-própria-mãe”. Está na cara que foi usado pela indústria petroquímica para tentar denegrir um movimento que é sério, mas que deve ter levado alguma grana, isso não resta a menor dúvida.
    É uma suposição perfeitamente factível. De que outra forma iria obter recursos para escrever o tal livro de ficção científica trabalhando numa Universidade tão mixuruca ?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s